Toro y Moi é assombrado por uma máscara fantasmagórica no videoclipe de '50-50'



Faixa de encerramento do recente Outer Peace, lançado em janeiro por Chaz Bundick (a.k.a. Toro y Moi), a deliciosa “50-50” traz a produção de Instupendo em uma balada cortejada de piano, bases sintetizadas e vocais contidos do artista para cantar sobre um amor complicado.

A música ganhou um videoclipe sob a direção de Justin Morris e Colin Matsui, onde mostrar Bundick caminhando pelo deserto e assombrado por uma máscara fantasmagórica, possivelmente uma metáfora sobre quem ele não gostaria de ser.

O elogiado Outer Peace também nos presenteou com os singles “Freelance” e “Ordinary Pleasure”.

Tecnologia do Blogger.