RodrigoKills e Cybergeez transformam ‘Buzina’, de Pabllo Vittar, em um pancadão pc music



Que 2018 foi um ano impecável para a produção musical no Brasil, disso a gente não tem dúvidas. Ao longo do ano, diversos nomes ganharam notoriedade com trabalhos primorosos, como é o caso de Badsista, que nesta semana ganhou o prêmio de “Melhor Produtora” pelo Women’s Music Event, a primeira premiação brasileira dedicada somente a mulheres da música.

Explorar sonoridades pouco trabalhadas no país também conta como um diferencial, como é o caso do PC Music, gênero musical que se popularizou nos últimos anos com nomes como Sophie, Charli XCX, Cashmere Cat, Jasmine e A.G. Cook. No Brasil, o estilo vem sendo trabalhado através de remixes e mashups, como é o caso dos produtores RodrigoKills e Cybergeez (a.k.a. Gabriel Diniz), que deram o primeiro passo com uma versão inusitada da faixa “Buzina”, presente no recente Não Para Não, de Pabllo Vittar.


RodrigoKills e Cybergeez

A música, que originalmente é explosiva e dançante, ganhou uma versão pancadão repleta de elementos futuristas e batidas pesadas. “Resolvemos remixar ‘Buzina’ porque era a que mais se assemelhava com o estilo. Quem sabe o pessoal do coletivo do A.G. Cook não nota a gente?”, conta Gabriel, que já avisou que o trabalho não para por aí. Segundo ele, novos remixes e versões para músicas nacionais devem ser divulgadas nos próximos meses.

Ouça o remix abaixo:



Tecnologia do Blogger.