Cais entre a tristeza e alegria sobre amores passageiros no videoclipe de ‘Estrada’


Rodrigo Ladeira/Doma02

O duo Cais nasceu das inspirações musicais, artísticas e visuais de Fábio Lamounier e Peo Tavares, que carregam o DNA audiovisual em projetos paralelos. Vindos de Minas Gerais e São Paulo, respectivamente, uniram trabalhos a fim de exporem a carga emocional e criativa em tempos de representatividade LGBTQ+.

O resultado está em “Estrada”, primeiro vislumbre do EP de estreia pela ONErpm, sob o olhar cinematográfico e sensível do videoclipe dirigido pelo Doma02 (Lamounier e Rodrigo Ladeira).



A canção destila em versos poéticos as delícias e desprazeres de amores passageiros, mas que deixa boas memórias no fim. “A cadência dos acordes de ‘Estrada’ são como os primeiros passos que damos depois do fim: lentos, melancólicos, ainda que resolutos. Toda memória carrega suas tristezas e alegrias, e a música é sobre essa consciência do fim e quando uma história se torna uma lembrança”, contam sobre a composição.

A faixa, produzida por Rafael Paiola, foi a primeira composição escrita pelos artistas. Carregado de sentimentalismo, a música surge cortejada por um piano à lá Yann Tiersen e encharcada de synths delicados e crescentes, que transformam a produção em uma poderosa canção sobre despedida.

Quanto ao videoclipe, esse de uma beleza transcendental, conta as idas e vindas de um jovem casal gay recém-separado, filmado em Barra Velha e Penha, no litoral de Santa Catarina.



O EP do Cais ainda não tem data definida para ser lançado, porém outras novidades devem surgir nos próximos meses.

Cais: Facebook | Instagram | Twitter
Tecnologia do Blogger.