Years & Years está preso em uma sociedade androide no videoclipe de ‘Sanctify’



O grupo Years & Years finalmente retorna à música neste ano após a elogiada estreia com ‘Communion’, álbum lançado em 2015 e que apresentou singles poderosos como “King” e “Take Shelter”. Nesta nova fase, Olly Alexander está mais engajado em usar a música para abordar temas importantes como gênero e sexualidade – é o que fica explícito no single “Sanctify”.

A canção, segundo o vocalista em entrevista, foi inspirada em dois pontos importantes: a religião e Britney Spears, esta última, a vontade de fazer uma música pop à altura. Carregado de batidas efervescentes, o single traz um quê de sombriedade para a discografia do trio. Trata-se de uma composição onde a santidade e homossexualidade caminhassem lado a lado (o que deveria ser, né?). “Pai, me perdoa por encontrar a verdade. O amor me é imposto, eu sou como você”, canta.

O videoclipe é a primeira parte de uma história pós-apocalíptica numa sociedade de androides. Olly é capturado a fim de entreter essa sociedade com sua dança cheia de pecados. O vídeo traz a direção de Fred Rowson.

Tecnologia do Blogger.