[Radar] Molly Marlette encontra influências nos clássicos para a sua música



Molly Marlette é norte-americana. Natural de Los Angeles, Califórnia, a moça já passou pelo teatro, fez pequenas atuações enquanto pequena e também trabalhou como modelo. Mas foi no mundo da música que a artista se encontrou de verdade.

Sob a influência de Billie Holiday, Beatles, Bob Dylan, Feist e Radiohead – para citar alguns nomes, a cantora e multi-instrumentista aprendeu cedo a tocar bandolim, guitarra e piano.



Lançando seu EP de estreia, ‘The Allumette’ em 2008, a musicista se intitulou como uma artista do folk-pop, fato esse que foi explorado ainda mais em seu disco de estreia, o delicioso ‘The Robber and The Boy’ (2012), que somou elementos de jazz e blues à mistura já criada.



Apesar disso, em 2016, quatro anos após lançar seu álbum debute, a jovem começou a explorar novas vertentes musicais, fato esse exemplificado pela sua parceria com as brasileiras do Cansei de Ser Sexy na faixa “Rio (Pass The Baton)”. Molly apresentou uma versão orquestrada da faixa, que se destacou por toda a sua grandiosidade e delicadeza.



Mas a verdadeira guinada na carreira de Marlette, rumo ao mainstream se deu através do single “Do Me a Favor”, lançado em agosto do ano passado. Guiada por sintetizadores, a faixa apresenta a cantora de forma repaginada, pronta para conquistar as rádios com o seu agora pop chiclete – e provavelmente o primeiro gostinho do seu segundo álbum de estúdio.


Atualmente, a norte-americana trabalha no sucessor de ‘The Robber and The Boy’, previsto para ser lançado ainda esse ano.



Saiba mais sobre Molly Marlette curtindo sua página no Facebook e ouvindo suas faixas no Spotify.

Tecnologia do Blogger.