LORDE: THE LOVE CLUB


Com apenas 16 anos de idade, a neozelandesa Lorde é uma dessas novidades que impressionam pelo incrível talento com muito pouco. Sua estréia aconteceu no fim do ano passado através das redes sociais, mas somente agora tem conquistado a blogosfera com sua música - que aliás, já ganhou a atenção de ninguém menos que Grimes. A maior novidade sobre sua história é que praticamente ela é um mistério a ser desvendado por nós - com exceção do seu nome que é Ella Yelich-O’Connor. Se esta é uma tática para gerar um buzz maior na internet, não sabemos, mas o que fica certo para nós é a grandiosidade do seu talento.

Seu EP de estréia chama-se The Love Club, uma coleção de cinco músicas bem produzidas que passeiam entre o pop underground de cantoras como Sky Ferreira, Santogold e Florence + The Machine, e o experimentalismo exagerado do que vem sendo colocado à nossa disposição. Particularmente não se trata de algo original, mas vamos tentar explicar o verdadeiro motivo desta atenção. A produção do trabalho ficou por conta de Joel Little.

The Love Club EP surgiu despretensiosamente na Nova Zelândia há quase três meses atrás, mas somente em Janeiro que ganhou espaço nas redes sociais para expandir o seu trabalho. Trata-se de uma compilação de canções sobre a sensibilidade e a incerteza das coisas que nos cercam. A faixa-título "The Love Club" revela todo este sentimento: é basicamente sobre como ser aceito pela multidão buscando algum tipo de aprovação, para então seguir em frente. Enquanto "Royals" traz o refrão cativante sobre uma garota que busca realizar os seus sonhos através da amizade e diversão. Já "Million Dollar Bills", podemos ouvir suas inspirações na música pop atual em uma faixa dançante à lá Santogold.

A parte mais interessante desta estréia é que o The Love Club EP está sendo disponibilizado de graça no soundcloud da neozelandesa. Ao invés de ficar procurando resenhas para definir o som de Lorde, que tal dar uma conferida no streaming abaixo e deixar um comentário para nós sobre suas impressões? Esperamos ouvir muito mais de Lorde por aqui.



Tecnologia do Blogger.