MARK FOSTER // POLARTROPIC (YOU DON'T UNDERSTAND ME)


No dia 5 de outubro será lançado mais uma obra de Tim Burton nas telas americanas. Frankenweenie é uma animação em stop-motion 3D em preto e branco inspirado no seu próprio curta-metragem (de mesmo nome) lançado em 1984. Antes disso, o trabalho foi inspirado no livro Frankenstein de Mary Shelley, em 1931. Como qualquer filme do diretor, seus lançamentos geram comentários mesmo antes das estréias e isso não deixaria de acontecer com a trilha-sonora impecável que traz Karen O (do Yeah Yeah Yeahs), Passion Pit, Kimbra, Robert Smith e Mark Foster (do Foster The People).

Das canções que conhecemos ouvindo a soundtrack, Mark faz um trabalho realmente inovador, mas sem perder aquela vibe indie que tanto lhe rendeu sucesso. Com uma bela introdução de pianos enérgicos, o cantor exclama os primeiros versos de "Polartropic (You Don't Understand Me)" de uma maneira quase irreconhecível. Composto por batidas drum 'n' bass aceleradas e efeitos de computador que dão a sensação de estar ouvindo uma ópera divertida, a música é uma das melhores de toda a coletânea e ganha o seu diferencial nas bases. Se estávamos acostumados a ouvir o vocalista do Foster The People arriscando gritos e afinações nos principais hits de 2011, agora precisamos rever toda nossa opinião sobre o seu potencial. Mark Foster consegue ser ainda mais interessante sem seus comparsas musicais. A trilha-sonora ganhou o nome de Frankenweenie Unleashed! e foi lançada oficialmente no último dia 25.

Mark Foster - Polartropic (You Don't Understand Me)
Tecnologia do Blogger.