SYKUR: CURLING


Não é todo dia que conhecemos uma banda de Reykjavík, a capital da Islândia, terra de Björk e Sigur Rós - muito menos quando essa banda faz um som oposto ao que ouvimos de sua terra. Este é o caso do Sykur, o quarteto electro-pop que acaba de lançar o mais novo single do disco Mesopotamia, através do selo islândes Record Records. Com um nome não muito original (Sykur significa "açúcar"), começaram sua carreira em 2009 com o disco Frábært eða Frábært, que resultou em diversas críticas e elogios na época. A banda ainda se mantém no anonimato perante ao mundo, mas em sua cidade possuem um papel fundamental colaborando com artistas de peso como Peaches, Casiokids, Kleerup e Junior Boys.

O disco foi lançado em Outubro do ano passado e mantém o clima electro-pop que tanto amam. Até o próprio The Guardian resenhou o disco desses islandeses como "lasers guiados por riffs e sintetizadores com vocais e batidas borbulhando brilhantemente". O seu novo single está aqui para comprovar toda essa admiração: "Curling" é uma das faixas mais escrachadas e dinâmicas de todo o disco, mantendo toda a pose electro-star da sua vocalista Agnes. É uma divertida canção sobre o espaço e o comportamento que chamou a atenção dos brazucas Database para uma versão disco diretamente para as pistas de dança.



O vídeo é uma viagem no espaço no melhor estilo Tron, produzido pelo coletivo Reykjavik Rocks. Toda essa produção psicodélica e eletrônica muito nos lembrou os singles da novata MNDR - vocês conseguem encontrar alguma semelhança nos vocais? Se gostou, não custa nada dar um curtir na fan page da banda pelo Facebook, né?

Tecnologia do Blogger.