AZEALIA BANKS » 212 / RUNNIN'


Azealia Banks brinca em sua página no Facebook ao colocar nomes como "comedian", "cutie pie" e "bitch" ao lado da palavra "letrista", nome dado aos profissionais que fazem música para outros artistas de forma personalizada. No caso de Azealia, a compra valeria a pena e faria muito sucesso. Digo isso porque a moça é uma profissional desde os seus quatorze anos de idade e hoje, com 20, possui um currículo ligeiramente extenso para uma cantora que ainda não lançou nenhum disco próprio. Além dos adjetivos colocados na página, uma das coisas que gosta é criar diferentes nomes para suas colaborações, - talvez não seja tão bom para quem usa o Google como ferramenta de busca dos seus trabalhos - mas o conhecido foi Miss Banks durante a gravação do EP Lazers Never Die do Major Lazer, lançado no ano passado. Quem não se lembra, Banks colaborou na canção "Can't Stop Now" na versão de K.L.A.M., que mais tarde seria substituida por La Roux em outro remix. Outras produções contam com um cover da canção "Slow Hands" do Interpol e versos próprios em samples de músicas do Ladytron e Peter Bjorn & John - revelando sua total ecleticidade e capacidade com a nova música.

Seu atual single "212" também não foge dessa modalidade, mas por algum motivo óbvio chamou a atenção de blogs e DJs do mundo todo. A faixa é uma readaptação de uma das criações do produtor Lazy Jay chamada "Float My Boat", lançada em 2009. Bastou usar o sample da produção minimalista com versos feitos pela cantora para dar uma cara nova, mais comercial e consequentemente bem mais sucedida do que foi há três anos atrás. Não dê suas conclusões finais até saber que ela é muito mais que uma cantora de samples alheios, talvez podemos arriscar em dizer que ela caminha na mesma direção de Rye Rye - porém nossa garota prodígio é muito mais desbocada que qualquer outra, chegando a ser comparada como uma M.I.A. mais sofisticada e maleável. Se gosta ou não do que ela têm para dizer, talvez não importa, pois temos aqui uma das músicas mais interessantes de 2011.


Passeando pelo site oficial da moça, você pode encontrar mais uma nova faixa, com a produção de Lunice e batizada de "Runnin", trata-se de uma descrição de uma relação baseada em sexo e interesses, temas bastante típicos de hip hop. Se em "212" arrisca uma performance soul, nesta ela faz jus à toda sua criação no Harlem rimando versos e até utilizando palavras explícitas para comprovar toda sua indignação.


Azealia Banks está em fase de produção do seu aguardado disco de estréia, mas como toda boa cantora rapper, inúmeras faixas podem ser encontradas na internet. Algumas até irreconhecíveis que levam o seu nome em projetos antigos, por isso aconselho acompanhá-la no Facebook caso tenha gostado desses lançamentos. Em fevereiro do ano que vem, ela sairá em turnê com a NME pelo Reino Unido promovendo a nova leva de artistas recomendados pelo site/magazine. Lógico que ficaremos atentos para mais novidades da moça, basta ser um follower e curtir a nossa fan page para não perder nenhum detalhe!


Tecnologia do Blogger.