RONIKA » FORGET YOURSELF / IN THE CITY / ONLY ONLY


Ronika passou despercebida por nós quando lançou seu primeiro EP, que aliás não chamou atenção deste que vos escreve. Como qualquer cantora pop, a proposta inicial da loira é fazer música comercial que agrade qualquer amante do mainstream. Ok, isso você está cansado de ouvir por aí, mas preste atenção neste diferencial (que antes achava ser apelativo demais) - o som desta cantora parece ter parado no tempo, no exato momento em que Madonna estourava nos anos 80. E o diferencial é que, apesar de ter suas raízes no passado, a qualidade e os recursos usados para produzir suas músicas são os mais atuais possíveis. Como se viajássemos no tempo para resgatar os momentos dourados da brilhantina.


No começo do ano, Ronika apresentou duas faixas no EP Forget Yourself/Wiyoo e abusou dos programas de TV que transmitiam a "febre musical" da música pop para incorporar seus dois primeiros videoclipes. A faixa "Forget Yourself" seguiu a mesma linha de "My House" do Hercules & Love Affair para mostrar o quão era divertido ficar na frente da televisão em 1985. Aliás, a própria canção possui sua marca reflexiva a fim de animar qualquer pessoa - bem típico das composições do passado. Falei que Ronika é responsável pela composição e produção de suas músicas? Pois bem, a britânica apareceu para mostrar que a junção da disco 80's com os mais atuais sintetizadores é a receita de sucesso, talvez a mesma que Tyson, Elodie e outros tem usado.


No último dia 03, Ronika comemorou o lançamento de Only Only/In The City EP, que há dois meses atrás engatilhou a faixa "In The City" como seu novo single, ganhando o reconhecimento dos maiores blogs americanos de música. O vídeo foi dirigido por Laurence Matthew Blake e à primeira vista me lembrou a melhor fase da rainha do pop em "Deeper and Deeper", sem Udo Kier e a parte da festa (veja o vídeo).


As comparações com a rainha do pop não param por aí, depois de "In The City", a moça começou a ser chamada como a "Madonna de Midlands" (referente à região central das terras inglesas).


Já a segunda, "Only Only", não fica atrás na pegada pop retrô e aposta em um refrão pegajoso que não sairá da sua cabeça, com direito aos famosos patins (febre no início dos anos 90) e luzes neon sem perder a elegância dos anos 80.


Se você gostou da moça, vale a pena trocar o seu endereço de e-mail por novas faixas em sua caixa de entrada. Não esqueça de conferir sua página nas redes sociais e dar o play no remix de "Only Only" assinado por Fear Of Tigers.


Tecnologia do Blogger.